segunda-feira, 7 de maio de 2012

deixa a adrenalina de lado e vamos conversar.

Fortaleza - Ce

Hoje, em meio a correria do dia-a-dia, parei pra pensar sobre o que Parkour significa pra mim. Como muitos aqui costumar dizer, "Na real". 
O Parkour não mudou apenas minha forma física, o que para muitos infelizmente é só isso que ele muda. 
O "Le Parkour", sim era assim que era chamado o Parkour quando comecei a treinar e me apaixonar por ele, me ensinou a acreditar em mim. Parkour me ensinou a lutar por algo que desejo e saber que quando se quer, você pode sim! 
Parkour me ensinou a conhecer e respeitar meus limites, bem como me ensinou a entendê-los e assim superá-los. Parkour me fez entender que o que "as pessoas pensam" é simplesmente o que pessoas pensam, você perde muito tempo se importando com isso e o tempo é precioso! 
Parkour me mostrou que, muitas vezes, chegar onde se deseja é difícil, mas para conseguir você precisa dar o primeiro passo e não desistir nos próximos. Parkour me fez perceber que a mente manda sempre no corpo, a gente costuma se enganar quando pensa o contrário, essa é a verdade. Parkour me trouxe o real significado da frase "be strong" que tenho tatuada em meu corpo! 
O Parkour me trouxe uma família sem medidas, quando digo sem medidas eu falo sério.

"Le Parkour, Parkour, esporte, paixão, família, estilo de vida."

Esse amor grande que tenho, me fez parar e ver que a vida em muitas vezes é difícil, que todos temos nossas diferenças mas que no fundo todos somos iguais, que errar e tentar são duas coisas muito importantes para conseguir o acerto e se chegar onde se deseja, que enfrentar seus medos só depende de você e independente dos seus medos eles são apenas medos, que provar o seu valor é algo que você deve colocar no topo da sua lista e não marcar como feito n-u-n-c-a, me fez ver por inteiro que a vida é feita para ser vivida e não apenas assistida!

Parkour me fez ver, entender e sentir bastante coisa que eu não via, entendia e muitos menos sentia antes de ser Traceuse. 
Mas acima de tudo, o Parkour colocou no meu coração que Ser forte para ser útil é algo necessário para se chegar onde quer que você queira chegar, e acredite, onde você quer chegar nunca será longe se você usar uma passada, um precision ou cat-leap. 
Seus medos são tão reais quantos seus sonhos, ambos andam lado a lado, mas só você decide quem fica e quem vai embora.

Aloha meninas. 

0 comentários:

Postar um comentário